Conteúdos e cursos para contadores, empresários, gestores, advogados e estudantes

×
Siga-nos:
Classe Contábil
PUBLICADO 6 meses ATRÁS.

Setor de Contabilidade Enfrenta Desafios com Novas Medidas

Nos últimos dias, os governos federal, estadual e municipal têm tomado uma série de medidas para auxiliar as empresas em meio à pandemia do novo coronavírus (Covid-19).

Se, por um lado, essas ações oferecem uma série de benefícios, por outro propõem vários desafios para o setor de contabilidade. Além disso, o próprio home office e a ausência de contato presencial com diferentes órgãos e empreendimentos por si só também têm resultado em alguns entraves na área. Tanto é que o sócio da Bicalho Consultoria Jurídica e Contábil, José Vinícius Bicalho, diz que nessa parte operacional há um “cenário de guerra”.

A presidente do Conselho Regional de Contabilidade de Minas Gerais, Rosa Maria Barros, inicia a questão com o fato de o serviço de contabilidade não ter sido incluído entre as atividades essenciais, o que impede a abertura dos escritórios. Além disso, a falta de atendimento presencial por parte da Receita Federal, em casos em que ele é importante, é mais um desafio. A edição de medidas econômicas também tem exigido bastante do setor. “Toda hora é uma novidade”, salienta ela.

A insegurança dos empresários é mais uma situação que tem se feito presente. Rosa Maria cita que há, hoje, uma dificuldade de emissão da guia de parcelamento previdenciário e, aí, fica uma questão: “se não conseguir emitir a guia, vai pagar multa?”.

Para completar, além das muitas demandas, a agilidade com que tudo ocorre tem sido marcante. “Nós estamos percebendo uma série de exigências e de demandas para os profissionais da contabilidade em uma velocidade muito grande”, destaca ela. “A gente tem certeza que todos os profissionais não estão medindo esforços para oferecer o melhor atendimento”, salienta.

De acordo com José Vinícius Bicalho, não estão mesmo. Tanto é que muitos têm trabalhado além de seus horários convencionais para conseguir atender a tudo o que é preciso nesse momento. Além disso, a área de contabilidade também tem agido mais intensamente como consultora, entendendo e interpretando as medidas governamentais e verificando o que é benéfico para propor ações e vencer esse período de crise.

Nesse momento, aliás, esbarra-se em mais uma questão: diversos tipos de conhecimento são novos, até mesmo para quem já atua na área. A consultora contábil e CEO da Fharos Contabilidade e Gestão Empresarial, Dora Ramos, ressalta a importância de saber como realmente se deve fazer o que é necessário. É a hora, segundo ela, de trocar informações e de se pautar na responsabilidade.

“É preciso falar a verdade, que o assunto é novo e que está sendo feita uma pesquisa para dar mais segurança, principalmente no que diz respeito à área trabalhista. Tem questões, por exemplo, que não se encaixam a todos os funcionários”, diz ela, lembrando que uma má orientação pode causar prejuízos.

Uma saída tem sido o alinhamento de forças. José Vinícius Bicalho diz que cada medida editada pelos governos tem sido estudada por uma equipe interdisciplinar na empresa. Advogados e contadores se unem para não deixar nenhum detalhe passar despercebido. “Mais do que nunca, é preciso um trabalho capaz de fazer a interpretação da lei”, destaca.

Como agir – Diante de todos esses desafios na área da contabilidade, o que deve ser feito para superá-los? A gerente de projetos no Instituto Aquila, Fernanda Dreon, afirma que o ponto principal é a atualização. “A empresa precisa verificar tudo o que está acontecendo, realizar buscas nos sites direcionados para entender o que está mudando e como se posicionar”, diz ela.

Rosa Maria Barros também ressalta a importância de não ficar estagnado na área. “É importante que o profissional da contabilidade, nesse momento de home office, busque capacitação, fazer cursos online, para que possa levar as melhores informações. Nessa hora, é relevante focar principalmente os cursos ligados à gestão. Além das informações do trabalho fiscal e tributário, as empresas vão precisar muito das informações de gestão”, destaca.

Perante tantas mudanças praticamente todos os dias, Dora Ramos ressalta uma atitude a ser tomada que não tem sido diferente em outros setores da sociedade nessa época de pandemia: “viver um dia de cada vez”, resume.




COMPARTILHAR

Deixe uma resposta

*Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Leia também

Receba gratuitamente nosso boletim de artigos e notícias em seu e-mail